Sabará patrocina reforma de parquinho

No domingo, dia 26 de janeiro, foi inaugurado o Espaço Verde da Alameda Jaú em São Paulo, que teve a reforma do parquinho infantil patrocinada pelo Sabará Hospital Infantil em parceira com a plataforma Cidades.co, que realiza reformas de espaços públicos com apoio dos moradores e da iniciativa privada.
A Fundação José Luiz Egydio Setúbal, da qual pertence o Sabará, segue os preceitos da Agenda 2030 da ONU, sendo a sustentabilidade um dos itens. A Fundação é voltada para a infância, mas acredita que a sustentabilidade  está diretamente relacionada à saúde das crianças. A convivência em espaços verdes é essencial para o desenvolvimento dos pequenos.
Por isso, a Fundação estabeleceu a meta de patrocinar a reforma de um parquinho por ano em São Paulo. Primeiro, foi o da Vilaboim, praça próxima ao Sabará, que depois da obra registrou aumento de 46% no número de frequentadores e aumento significativo da presença de mulheres e crianças em todos os horários do dia – o que indica a sensação de segurança e bem-estar proporcionada pela praça reformada.

No evento de inauguração da praça no último domingo, o Dr. José Luiz Egydio Setúbal explicou os benefícios destes espaços públicos e das brincadeiras ao ar livre: “Ter uma área de lazer é muito importante para a criança pequena. Ajuda no desenvolvimento em vários aspectos: ela pode brincar, fazer atividade física, se relacionar com o pai e a mãe, ficar longe das telas”, disse.

 

Parquinho antes e depois

 

Antes

 

Depois

 

A reforma do Espaço Verde da Alameda Jaú incluiu a troca de piso e dos brinquedos, além da instalação de uma cerca em volta da área infantil. “Havia brinquedos quebrados, piso inadequado para o uso e a maior reclamação era a falta de cerca no parquinho, pois há um número alto de frequentadores com cachorros na praça e constantemente as mães encontravam fezes no interior do parquinho”, explica Marcelo Rebelo, CEO da Cidades.co.

“Meu filho frequenta essa praça desde que nasceu. Ele viu tanta briga de cachorro e gato que começou a ficar com medo de vir. A nova cerca dá mais segurança às crianças, pois evita que os animais entrem. O parquinho está de primeiro mundo”, conta a moradora da região Rebeca Arruda. Os pets continuam frequentando a praça, em espaço separado ao das crianças.

Já Paula Solferini, que tem uma filha de dois anos, mudou-se recentemente para a região, quando a reforma já estava acontecendo. “Um dos motivos de termos nos mudado para cá foi a pracinha”, conta. E a família aproveita bem: leva a pequena ao parquinho todos os dias.

O evento de inauguração do Espaço Verde contou com distribuição de bexigas e pipoca para as famílias presentes, além de música e muita animação.

 

Autor: Mariana Setubal

Atualizado em: 01/2/2020