Visita da cachorrinha de estimação colabora para o cuidado durante a diálise- mais uma ação de humanização do nosso Hospital  - Hospital Sabará
Visita da cachorrinha de estimação colabora para o cuidado durante a diálise- mais uma ação de humanização do nosso Hospital 
Depoimento

Visita da cachorrinha de estimação colabora para o cuidado durante a diálise- mais uma ação de humanização do nosso Hospital 

Murilo Zanin é uma criança esperta e ativa. Adora futebol e tem um carinho muito especial por seu irmão e sua cadela Sol.

Neste ano, Murilo foi diagnosticado com Síndrome Nefrótica, que atinge de duas a sete crianças por 100 mil/ano, sendo mais comuns em meninos com idade entre dois e seis anos de idade. É uma doença que afeta os rins e causa perda de proteína e inchaço pelo corpo. De acordo com a Dra. Regina Grigolli Cesar, Diretora Clínica, diarista da UTI e Supervisora do Programa de Residência Médica em Terapia Intensiva Pediátrica do Sabará Hospital Infantil, “essa síndrome está associada a doenças renais, e sua forma mais comum na infância é a Síndrome Nefrótica Primária ou Idiopática (SNI), que se desenvolve sem sintomas e na ausência de doença primária extra-renal, sendo que 80% são do tipo Síndrome Nefrótica por Lesões Mínimas (SNLM)”.

Ao saberem da notícia, os pais ficaram desolados. “Descobrimos a doença do Murilo em junho desse ano e está sendo tudo muito assustador. Nossas vidas viraram de ponta cabeça”, conta a mãe Marimarcia Zanin. Mesmo com tantas mudanças ela afirma que o amparo da equipe multiprofissional do Sabará tem sido essencial em todo o processo e que tem feito toda diferença para a família e principalmente para o Murilo. “Depois que descobrimos a doença tudo mudou, mas Graças à Deus, conhecemos o Sabará Hospital Infantil, que está nos fornecendo todo o apoio necessário para enfrentarmos essa luta”.

Murilo passou pela primeira internação de julho a outubro e, após irem para casa, passou a fazer diálise peritoneal. “Infelizmente ele teve uma retenção de líquido que acabou afetando o coração e tivemos que voltar para o Sabará para fazer hemodiálise e retirar o líquido”, contou a mãe.

Porém, os dias foram passando e Murilo começou a ficar triste por sentir muita saudade de casa, do irmão e principalmente da cachorrinha Sol. Percebendo isso, toda a equipe se reuniu e, como a condição clínica dele permitia, decidiram surpreender o pequeno paciente. “O Murilo é muito querido por todos.  A Dra. Regina Grigoli e a chefe da enfermagem Thaís nos deram esse presente. Trouxeram a Sol e fizeram essa surpresa para o Murilo. Foi uma emoção única,” disse a mãe.

Para essa visita especial, a Sol precisou tomar banho antes de vir ao Hospital, teve seu transporte realizado em uma caixa específica para animais. Além disso, passou por uma higienização nas

patas com toalhas umedecidas antes de entrar na UTI, não oferecendo assim, qualquer risco para o Murilo, nem para a equipe durante sua estadia no quarto.

“Realizamos esses sonhos, pois acreditamos que é possível transformar a experiência destas crianças e de seus familiares”, afirma a coordenadora de enfermagem, Thaís Franco.

“O carinho faz parte do tratamento. Nada pode dar certo se não adicionarmos amor e carinho ao plano terapêutico do paciente. Murilo é uma criança iluminada, muito afetiva e que nos devolve em dobro todo o carinho que a equipe entrega a ele diariamente. Quando vamos para casa ao final do dia levamos a memória de seu rostinho meigo e o sorriso maroto”, conclui a Dra. Regina.

Com a presença da companheira durante o procedimento, Murilo está muito mais feliz e tranquilo e preparado para a continuação do tratamento.

Open chat
Cuidador Virtual