A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Z

Fraldas – Retirada

Retirar as fraldas do bebê costuma ser um dilema para os pais. Qual a hora certa, como fazer e de que maneira ter sucesso são questionamentos comuns nos consultórios dos pediatras. Para os médicos, esse treinamento é um passo importante para o bebê, portanto, requer paciência e perseverança.

“Cada criança tem seu momento, mas bebês entre os 2 anos e os 2,5 anos costumam estar preparados. Nessa fase, além de apresentarem controle neurológico e motor, os bebês já possuem um vocabulário maior, são capazes de entender e pedir o que desejam”, esclarece a pediatra Anna Julia Sapienza, do Hospital Infantil Sabará.
Para o treinamento ser bem-sucedido, é preciso calma, para que o bebê não fique estressado ou com medo. Se o aprendizado começar antes da hora certa, poderá ocasionar problemas, como prisão de ventre e até incapacidade de controlar a urina e as fezes.

A dica para saber o momento adequado dessa despedida é simples: se o seu bebê já se incomoda com as fraldas ou avisa quando estão molhadas ou sujas, chegou o momento de aprender a usar o penico ou a privada.
Como as crianças costumam evacuar ou urinar uma hora após as refeições, é interessante que os pais coloquem os pequenos no penico ou na privada nesse momento. Sem pressa, eles devem ficar com a criança e levar brinquedos ou livrinhos para que o tempo passe mais rápido e seja lúdico também. E mais: evite usar a descarga quando a criança ainda estiver na privada, pois o barulho costuma assustá-la.

“Também não se deve repreender os pequenos nessa hora, mas elogiá-los, para que aprendam o que é certo. Há também bons livrinhos didáticos sobre o assunto, que podem ser usados pelos pais. O treinamento também não pode ser interrompido nos finais de semana por causa dos passeios da família. A rotina de aprendizagem deve prosseguir ao longo dos dias ”, recomenda Anna Julia.

Como no verão as crianças não precisam estar agasalhadas, é a ocasião ideal para dar adeus às fraldas. “Como elas usam roupas mais fáceis de serem retiradas, fica mais simples se despirem sozinhas na hora de usar o penico. Aliás, durante o treinamento, os pais devem levar as crianças ao banheiro várias vezes ao dia, para criar o hábito”, destaca a médica.

Se a criança frequenta a escola ou a creche, é importante que se avise a professora responsável sobre a mudança. É preciso ainda saber que é mais fácil, primeiramente, retirar a fralda de dia – e só quando a criança estiver craque no assunto, em geral após seis meses, segundo os pediatras, é que os pais devem dar adeus ao acessório durante a noite.

Sobre o Hospital Infantil Sabará
Tradicionalmente conhecido por sua eficiência e bons resultados, o Hospital Infantil Sabará nasceu no início dos anos 60, quando um grupo de médicos pediatras resolveu criar um serviço diferenciado. A partir daí, o complexo hospitalar se firmou como centro de referência na área, sendo o primeiro hospital a inaugurar uma UTI pediátrica, em 1974.

Informações para retirada da fralda:

  • Idade: por volta dos 2 anos, as crianças costumam estar preparadas
  • Época do ano: como no verão as crianças utilizam menos roupas, é a ocasião ideal para dar adeus às fraldas
  • Sinais de que é a hora: se seu bebê já se incomoda com as fraldas ou avisa que estão molhadas ou sujas
  • Tenha paciência para que o bebê não fique estressado ou com medo
  • Hora do dia: como as crianças costumam evacuar ou urinar uma hora após as refeições, esse seria um bom momento
  • Se a criança frequenta escolinha ou creche, avise a professora responsável, para que ela faça a retirada das fraldas simultaneamente, usando a mesma orientação dos pais.