A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Z

Apendicite Infantil

O que é o apêndice?

O apêndice é uma bolsa longa e fina que tem o formato de um dedo. Ele se localiza na parte baixa do intestino grosso, que é também chamado de cólon.

O que é apendicite?

Apendicite é o termo médico usado quando o apêndice é infectado e incha. Quando isso acontece, essa extensão tubular pode, por vezes, se romper. A apendicite pode ser grave, porque pode causar uma infecção abdominal importante.

Quando ocorre?

A apendicite pode ocorrer em crianças e adultos. Quando acontece com crianças, é mais provável afetar as mais velhas e os adolescentes do que os bebês ou crianças pequenas.

Quais são os sintomas da apendicite?

Os sintomas podem ser diferentes, dependendo da idade da criança. Os mais comuns são:

  • Dor de barriga: em crianças mais velhas e adolescentes, a dor de barriga é, geralmente, o primeiro sintoma. Ela pode começar ao redor do umbigo e, depois, passar para o lado direito do baixo ventre. Pode ocorrer de o sintoma piorar com a tosse.
  • Vômitos.
  • Febre, que, geralmente, começa após 1 ou 2 dias.
  • Perda de apetite.

Quando procurar o médico?

Procure ajuda médica se a criança apresentar os sintomas listados acima.

É preciso fazer exames?

Talvez. O médico de seu filho irá perguntar, primeiro, sobre os sintomas e fazer um exame. Ele pode dizer se a criança tem apendicite, sem fazer qualquer teste.

Se o médico não pode dizer, com certeza, se seu filho tem apendicite, ele ou ela pode fazer um ou mais dos seguintes testes:

  • Exames de sangue
  • Testes de urina
  • Um exame de imagem, como ultrassom ou tomografia computadorizada

Nenhum teste pode dizer, com certeza, se uma criança tem apendicite. Mas o médico pode usar os resultados do teste, os sintomas e o exame para descobrir o quão provável é que seu filho tenha a inflamação.

Como é tratada a apendicite?

O principal tratamento para a apendicite é a cirurgia para remover o apêndice. Ela pode ser feita de duas maneiras:

  •  Cirurgia aberta: durante a cirurgia aberta, o médico faz um corte na barriga, perto do apêndice. Então, o remove por meio dessa abertura.
  • A cirurgia laparoscópica: durante a cirurgia laparoscópica, o médico faz alguns cortes na barriga, que são muito menores do que os feitos para a cirurgia aberta. O profissional introduz ferramentas finas na barriga por essas aberturas. Uma delas tem uma câmera (chamada de “laparoscópio”) na extremidade, que envia imagens para uma tela de TV. O médico pode olhar para a imagem para saber onde cortar e o que remover. Então, ele ou ela usa instrumentos para fazer a cirurgia.

Se o apêndice de seu filho se rompeu, o médico fará a cirurgia para removê-lo. Durante a operação, também limpará a área na barriga em torno do apêndice, para lavar o material inflamado (pus), que saiu dele. Essa cirurgia pode ser mais complicada do que a feita quando o apêndice não se rompeu.

Em geral, a cirurgia tem uma boa evolução no pós-cirúrgico, e a alta se dá em poucos dias, dependendo da evolução do paciente.