Projeto Encontro Terapêutico da UTI visa humanizar a relação com as mães e acompanhantes

Muitas vezes, algumas crianças precisam permanecer internadas por longos períodos em uma UTI. Por esse motivo, os pais acabam transformando aquele espaço na sua casa.

Com o objetivo de diminuir o estresse durante o período de internação e ampliar o vínculo e a comunicação com os pais, a equipe da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Sabará Hospital Infantil criou o Projeto Encontro Terapêutico.

Semanalmente, alguns pais são convidados a participar de um bate papo com a enfermeira líder da UTI e uma psicóloga para trocar experiências entre elas e compartilhar dúvidas, de forma que se sintam ainda mais acolhidas em nossa Instituição.

“Queremos que eles aliviem um pouco o peso de estarem em um hospital. Que percebam que existem outros pais na mesma situação que elas e principalmente, que entendam que nós estamos aqui para apoiá-los neste momento de tantas incertezas, enquanto elas estiverem aqui”, explica Thais Franco, coordenadora de enfermagem da UTI.

Segundo Thais a equipe sentiu necessidade de oferecer aos acompanhantes como um diferencial no acolhimento.

“Nesse primeiro encontro, nós percebemos que os pais precisavam sair do quarto, ver outras pessoas, expor seus anseios, medos, dúvidas. Também aprendemos com eles, foi uma troca de experiências para todos nós. Nosso intuito é ampliar o projeto e proporcionar um acolhimento e humanização ainda maior para os pais”, destaca Thais.

Do Pronto Atendimento à alta complexidade. Sabará Hospital Infantil, o Hospital que mais entende de criança