Puberdade precoce - Hospital Sabará
 
A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Z

Puberdade precoce

 

A puberdade precoce é um problema que parece estar aumentando e que pode atingir crianças muito pequenas, principalmente meninas, necessitando acompanhamento especializado e informação para a família. Suas principais consequências são:

  1. Transtornos psicológicos
  2. Comportamento; maior risco de abuso sexual;
  3. Baixa estatura quando adulto;
  4. Maior risco de obesidade, hipertensão, diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares, acidente vascular cerebral e certos tipos de câncer – atribuído à exposição precoce ao hormônio estrógeno.

 

O que é puberdade precoce?

A puberdade é definida como a presença de características sexuais secundárias: desenvolvimento da mama em meninas, pelos pubianos e aumento do tamanho do pênis e dos testículos em meninos.

Nas meninas, o primeiro sinal de puberdade é o surgimento do broto mamário e, nos meninos, o aumento do tamanho dos testículos. Nesta fase também surgem os pelos pubianos, pelos axilares, odor axilar, acne e aumento da oleosidade da pele. A primeira menstruação, chamada de menarca, ocorre em média dois anos depois do aparecimento das mamas.

Considera-se como precoce a puberdade que surge antes dos 8 anos em meninas e dos 9 anos em meninos; e atrasada, a puberdade que tem início após os 13 anos em meninas e após os 14 anos, em meninos.

 

 

O que causa a puberdade precoce?

Na maioria das vezes, quando a puberdade ocorre cedo, é apenas uma aceleração do processo normal; em outras palavras, o alarme toca muito cedo porque o relógio biológico está funcionando mais rápido do que o esperado. Ocasionalmente, a puberdade pode começar cedo por causa de uma anormalidade na glândula pituitária ou na porção do cérebro que controla a hipófise (hipotálamo). Esta forma de puberdade precoce é chamada puberdade precoce central, ou CPP.

Raramente, a puberdade ocorre cedo porque as glândulas que fazem hormônios sexuais, os ovários em meninas e os testículos em meninos, começam a trabalhar por conta própria, mais cedo do que o normal. Isso é chamado de puberdade precoce periférica (PPP).

Nos meninos e meninas, as glândulas suprarrenais, pequenas glândulas que se situam em cima dos rins, podem começar a produzir hormônios masculinos chamados andrógenos adrenais em idade precoce, causando pelos pubianos e / ou axilares e odor corporal antes dos 8 anos de idade. Finalmente, a exposição a cremes ou medicamentos contendo estrogênio ou androgênio, prescritos ou sem receita médica, pode levar à puberdade precoce.

 

 

 

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte:

  1. Copyright © 2014 Academia Americana de Pediatria e Pediatric Endocrine Society
  2. http://www.sbp.com.br/src/uploads/2016/09/Puberdade-Precoce.Leila_.Ve4_.pdf
  3. http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2014/03/entenda-quais-sinais-podem-indicar-puberdade-precoce-nas-criancas.html

 

 

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais.



Tratamento

O tratamento depende da causa. Se a idade óssea é aproximadamente a mesma idade que o real e não há causas conhecidas, não haverá tratamento. As crianças continuarão a sofrer controles.

Medicamentos

A função dos supressores hormonais consiste em parar ou desacelerar o desenvolvimento sexual. Estes medicamentos podem incluir:
  • Leuprorrelin Acetate
  • Histrelina
  • Nafarelin
Este tratamento é frequentemente usado em crianças cuja idade óssea é maior que a idade atual. Esses medicamentos impedem o desenvolvimento sexual. Além disso, eles impedem o rápido crescimento ósseo. Isso permitirá o crescimento normal dos ossos. Também foi provado que a metformina é eficaz em retardar a puberdade.

Apoio psicológico

O apoio pode ser valioso para crianças que são mais maduras do que seus colegas do ponto de vista físico.

Cirurgia

Tumores que produzem hormônios ou outras lesões podem causar puberdade prematura. Geralmente, eles são removidos com cirurgia.

Controles em andamento

O médico continuará a monitorar a altura, o peso e o desenvolvimento sexual do seu filho. Um gráfico do progresso será feito. Além disso, permite revelar se algum dos tratamentos administrados foi eficaz.


Open chat
Cuidador Virtual