Sabará Hospital Infantil incentiva o aleitamento na campanha do agosto Dourado - Hospital Sabará
 

Sabará Hospital Infantil incentiva o aleitamento na campanha do agosto Dourado

 Sabará Hospital Infantil incentiva o aleitamento na campanha do agosto Dourado

O estímulo à livre demanda faz parte das ações da Rede de Apoio mesmo durante

a internação hospitalar

 

AGOSTO, 2022 – Preocupado com a proteção, promoção e apoio ao aleitamento materno em todo o mundo é que o World Alliance for Breastfeeding Action (WABA) promove a Semana Mundial de Aleitamento Materno, realizada na primeira quinzena de agosto Dourado.

 

“Fortalecer a amamentação: educando e apoiando” é o tema deste ano e está relacionado à Agenda 2030 da ONU para o Desenvolvimento Sustentável. Os pilares da campanha têm como objetivo informar as pessoas sobre a importância de proteger a amamentação; apoiar a amamentação como uma responsabilidade vital de saúde pública; se articular com indivíduos e organizações para maior impacto e potencializar ações para proteger o aleitamento materno para melhorar a saúde coletiva.

 

Aqui no Brasil, o assunto também é comemorado durante todo o mês, que é chamado de agosto Dourado. Instituída no Brasil por meio da Lei 13.435, a data simboliza a importância do aleitamento materno para os bebês e a cor dourada foi escolhida em alusão ao leite materno: um alimento padrão ouro para a saúde dos bebês.

 

 

O leite materno, mesmo em crianças com condições complexas, pode e deve ser introduzido na dieta do bebê, pois possui o equilíbrio perfeito entre macro e micronutrientes, protegendo contra infecções e prevenindo alergias e doenças crônicas no futuro. Por esse motivo, o Sabará Hospital Infantil, que tem um atendimento 100% pediátrico, oferece uma equipe multidisciplinar formada por médicos, enfermeiros, fonoaudiólogos e nutricionistas que tem como meta informar sobre o tema, ajudar as mães no momento ordenha, e principalmente, incentivar a amamentação de acordo com as necessidades de cada bebê. “Nós acompanhamos mães e bebês para ajustarmos a melhor dinâmica de acordo com as condições clínicas, diagnóstico e prognóstico, padrão de sucção e de deglutição para de definir o melhor plano de tratamento para cada criança, explica a Coordenadora de Fonoaudiologia do Sabará Hospital Infantil, Denise Lopes Madureira.

 

De acordo com números levantados pela equipe de fonoaudiologia do Sabará, dos cerca de 70 pacientes atendidos na faixa etária de zero a seis meses, de janeiro a julho de 2022, 42 tiveram alta recebendo o seio materno. já na faixa etária de zero a três meses, dos 48 pacientes atendidos, 36 voltaram para casa sendo amamentados em seio materno “a internação destes pacientes teve causas diversas acometendo prioritariamente o trato gastrointestinal e/ou respiratório”, explica a fonoaudióloga Denise Madureira

 

A fonoaudióloga conta que alguns aspectos devem ser observados para garantir uma amamentação eficaz. “o   freio encurtado da língua, presença de hipotonia (comum em crianças com Síndrome de Down), incoordenação dos movimentos de língua, diminuição da abertura de boca, são algumas das circunstâncias que podem atrapalhar a eficácia da mamada. por isso temos que avaliar criteriosamente para oferecer o melhor tratamento para cada situação, afirma a fonoaudióloga.

“nossa equipe criou uma rede de apoio que orienta as mães sempre priorizando a amamentação, acompanhando diariamente e oferecendo opções para facilitar e garantir a eficiência, a segurança e o prazer da dupla mãe e  bebê em um momento único e fundamental, afirma Denise.

 

“É importante reforçar que bebês amamentados em “livre demanda”, não passam fome, afirma, a supervisora da equipe de nutrição do Sabará Hospital Infantil, Fernanda Rabelo.

A equipe de nutricionistas tem um trabalho de reforçar junto as mães, que nenhum leite materno é fraco. A composição varia em função da faixa etária do bebê sendo dividido em três fases:

– primeira: colostro possui maior concentração de proteínas e anticorpos, sendo considerado “a primeira vacina do recém-nascido”;

– segunda: o leite de transição normalmente até o 15º dia, este leite é rico em gordura e lactose.

– terceira: o leite maduro, este possui um equilíbrio perfeito entre macro e micronutrientes, que é a nutrição ideal para alimentação exclusiva do bebê até o 6º mês de vida.

“Uma dica importante é que nas consultas de rotina deve ser aferido peso e estatura para acompanhar o desenvolvimento do bebê”. explica Fernanda Rabelo.

Fernanda explica que o objetivo é proporcionar uma rede de apoio para incentivar o aleitamento materno durante o período intra hospitalar. “A equipe de nutrição atua junto as mamães prestando as orientações necessárias para garantir o cumprimento do plano assistencial definido para o bebê e realizando as adequações nutricionais na dieta da mãe a fim de garantir as necessidades calóricas e macro nutrientes para este período de vida tão importante para o bebê”, afirma a nutricionista.

 

 

Sobre o Sabará Hospital Infantil 

 

O Sabará Hospital Infantil, localizado na cidade de São Paulo, é referência no atendimento de crianças e adolescentes até 18 anos.  É o primeiro Hospital exclusivamente pediátrico a conquistar acreditação pela Joint Comission International (JCI), um selo que assegura sua qualidade assistencial.

 

Fundado há 60 anos, o Sabará Hospital Infantil opera segundo o modelo de hospitais infantis americanos, os Children’s Hospitals, baseado na expertise de alta complexidade em todas as especialidades pediátricas, que conta com uma equipe multiprofissional integrada de alta capacidade resolutiva na atenção à criança.

 

Com uma equipe médica e assistencial altamente capacitada e um parque tecnológico moderno e completo, a Instituição está preparada para a realização de partos, quando há necessidade de intervenção cirúrgica imediata ao nascimento nos casos de cardiopatia congênita, e transplantes renais.

 

Seu foco em pediatria permite que a Instituição não só conheça as mais diversas doenças infantis, como também garante a expertise no diagnóstico e tratamento de doenças simples às mais raras e de difícil interpretação diagnóstica.

 

Para transformar a experiência da criança internada, conta com o Programa Child Life, composto por especialistas em desenvolvimento infantil. Por meio de atividades lúdicas, os profissionais se comunicam com a criança de acordo com sua maturidade cognitiva e compreensão de mundo, facilitando, assim o seguimento do tratamento.

 

Do pronto atendimento à alta complexidade, Sabará Hospital Infantil, o Hospital que mais entende de criança.

 

Sabará Hospital Infantil

Assessoria de Imprensa: Luciana Paim

luciana.paim@sabara.com.br

11 2155 9338 / 93351-2319

 

 

 

 

 

Tire suas dúvidas pelo nosso Cuidador Virtual