Retorno às aulas: como a telemedicina pode ajudar pais, alunos e profissionais de educação - Hospital Sabará

Retorno às aulas: como a telemedicina pode ajudar pais, alunos e profissionais de educação

Em São Paulo, o retorno às aulas presenciais nas escolas privadas e públicas foi autorizado pela Prefeitura a partir do dia 1° de fevereiro, desde que as unidades operam com 35% da capacidade total de alunos.

Na prática, a retomada ainda gera receios e dúvidas por parte dos pais, alunos e instituições de ensino. Para dar apoio e orientação, o Hospital Infantil Sabará e a Conexa Saúde, player de saúde digital, firmaram parceria para oferecer atendimento médico por telemedicina em unidades escolares.

O Sabará desenvolveu um protocolo de segurança para a volta das aulas presenciais. Além de destacar ações mais comuns como prevenção da entrada de sintomáticos na escola, o distanciamento físico e rígidos processos de limpeza e desinfecção ambiental, também inclui o uso da  telemedicina para acompanhamento e orientação de professores, alunos e pais.

O objetivo é criar um canal virtual entre escolas e médicos. Por meio da plataforma de telemedicina é possível realizar atendimento aos alunos, professores e profissionais, auxiliando na condução dos casos suspeitos de Covid-19, minimizando os riscos de contaminação e transmissão.

“As escolas estão implantando uma rígida política de segurança com o objetivo de oferecer uma volta às aulas segura para todos. Ao incluir o uso da plataforma de telemedicina, a escola assegura mais uma importante ferramenta nesse processo. Caso algum aluno apresente algum sintoma, a escola consegue fazer um pronto atendimento virtual com um médico especialista e o responsável pela criança para que o acompanhe durante a consulta online”, esclarece o doutor Rogério Carballo Afonso, gerente médico para desenvolvimento de Novos Negócios e Telemedicina do  Sabará Hospital Infantil.

O programa visa também orientar e monitorar todos os profissionais das escolas. “Sabemos que nenhuma ação ou conjunto de ações isoladas tem sua ação 100% garantida contra qualquer tipo de risco, mas a implementação de várias intervenções coordenadas pode reduzir significativamente esse tipo de ameaça. Com o uso da plataforma de telemedicina, é como se cada escola tivesse seu ambulatório interno, um movimento tão importante que acreditamos irá se fortalecer além da pandemia”, destaca Guilherme Weigert, CEO da Conexa Saúde.

Atualmente, a rede Maple Bear e o Colégio Pio XII utilizam a plataforma de telemedicina da Conexa Saúde, sob a orientação do Sabará Hospital Infantil.

 

Atendimento a Imprensa

Sabará Hospital Infantil: www.hospitalinfantilsabara.org.br

Assessoria de Imprensa: Luciana Paim

luciana.paim@sabara.com.br / 11 2155 9338 / 93351-2319

 

Informações Conexa Saúde para imprensa – bowler

Regina Sanches – regina.sanches@bowler.com.br /(11) 94524-6859