Conheça a história de Benício, que nasceu com pé torto congênito, e após a cirurgia está se recuperando a cada dia - Hospital Sabará
Conheça a história de Benício, que nasceu com pé torto congênito, e após a cirurgia está se recuperando a cada dia
Depoimento

Conheça a história de Benício, que nasceu com pé torto congênito, e após a cirurgia está se recuperando a cada dia

Apesar da gravidez de Benício Lopes Martins não ter sido planejada, segundo a mãe Mayara Lopes Carvalho, a gestação dele foi bastante tranquila.

“Posso dizer que o Benício é nossa surpresa diária. Primeiro porque eu havia perdido um bebê há menos de um ano e engravidei dele exatamente no dia em que estava previsto para nascer meu primeiro filho”, conta Mayara.

Entretanto, durante o ultrassom morfológico, Mayara descobriu que Benício apresentava uma pequena má formação no pé chamada PTC – pé torto congênito – o que causou grande espanto.

“De início, foi bem difícil de entender, ficamos sem chão, acho que como todos os pais sempre desejamos que os nossos filhos venham ao mundo perfeitos. Mas graças aos grupos de mães com PTC eu entendi melhor o que era o pé torto congênito e, mais do que isso, descobri que existia o método Ponseti, mais eficaz e muito menos invasivo do que qualquer outro procedimento de correção”, conta a mãe.

Após o nascimento, alguns especialistas discordavam do diagnóstico de PTC alegando que os pés de Benício eram flexíveis e voltariam com o tempo. Mas, não satisfeitos com essa informação, os pais decidiram ouvir outras opiniões e foi quando encontraram a Dra. Tatiana Guerschman, especialista no Método Ponseti no Brasil e ortopedista pediátrica do Centro de Excelência do Sabará Hospital Infantil. “Ela nos apresentou o Sabará e nos explicou tudo o que havíamos estudado sobre o PTC ao longo da gestação. Nos passou muita confiança e foi um alívio encontrar uma profissional tão dedicada; mais do que isso, um Hospital que já sabíamos da qualidade e excelência”, afirma a mãe.

A cirurgia foi agendada e aconteceu em meio a pandemia. “Eu, como mãe, fiquei bem nervosa no dia, com muito medo. Mas fomos muito bem recepcionados. Desde a internação todos trataram meu filho com muito carinho e muito zelo e confiar na Dra. Tatiana foi o que me deu uma certa tranquilidade. Mesmo na pandemia eu e meu esposo conseguimos acompanhar nosso filho durante todo a internação até o momento da sedação. O procedimento foi bem rápido, em torno de 1h20, e ele já saiu da sala de cirurgia acordado e bem, conseguimos ter alta no mesmo dia e após duas semanas, quando retiramos o gesso, os pontos estavam quase imperceptíveis”, explicou a mãe.

Benício vem realizando todo o tratamento no Sabará Hospital Infantil e, além da cirurgia, já realizou seis trocas de gesso. “No Sabará, fomos muito bem recepcionados e atendidos em todo processo, do início ao fim e eu, como mãe, sou muito grata porque com a ajuda do Hospital e de toda equipe foi muito mais leve e mais tranquilo passar por esta fase”. Posso dizer que é muito mais difícil para nós como pais do que para qualquer criança”, afirma a mãe.

Hoje o Benício está com três meses e tem uma vida bastante ativa apesar da utilização do gesso. “O Benício está entrando na fase da órtese, graças a Deus. Sabemos que ainda não acabou, existe um caminho pela frente, mas posso dizer com todas as letras que eu não mudaria nada e passaria por todo esse processo quantas vezes fosse necessário para ver o meu pezinho de ouro tendo uma vida normal e feliz. Só tenho a agradecer. Obrigada Dra. Tatiana e ao Hospital Sabará por todo esse suporte e por tudo que fizeram por nós até aqui”, conclui a mãe.

Open chat
Cuidador Virtual