A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Z

Diabetes

Os diabetes é a segunda doença crônica mais comum na infância. Antigamente, só os adultos se enquadravam, mas, com o crescimento do índice de obesidade infantil, associada a uma vida sedentária e aos maus hábitos alimentares, os casos aumentaram consideravelmente entre meninos e meninas.

Diabetes é uma condição ao longo da vida, na qual o corpo não produz insulina suficiente ou o organismo não consegue utilizá-la conforme se produz. O corpo necessita dela para transformar o açúcar dos alimentos em energia. Se o organismo não tem insulina ou não consegue usá-la de forma correta, o resultado é açúcar elevado no sangue (glicose). Existem três tipos principais de diabetes:

  • Tipo 1: o corpo produz pouca ou nenhuma insulina.
  • Tipo 2: o corpo produz insulina, mas não a usa corretamente.
  • Diabete gestacional: o corpo não utiliza a insulina de forma adequada durante a gravidez. Geralmente, esse tipo desaparece depois que o bebê nasce.

No momento, os diabetes tipo 1 não podem ser prevenidos, e as pessoas que se enquadram nesse caso dependem de insulina para sobreviver.

Estima-se que cerca de doze milhões de pessoas no Brasil têm diabetes. Um terço delas não sabe que tem a doença.
Os sintomas clássicos de diabetes (tipo 1 e tipo 2) são os seguintes:

  • Fadiga
  • Micção frequente
  • Sede incomum
  • Perda de peso inexplicada

No diabetes tipo 1, os sintomas costumam evoluir rapidamente e são, muitas vezes, dramáticos. Já no de tipo 2, os sintomas progridem com lentidão. No entanto, é importante notar que muitas pessoas pertencem a esse caso e podem não ter nenhuma manifestação da doença. Elas podem descobri-la quando vão ao médico para examinar outro impasse que nada tem a ver com diabete.

O diabetes é uma condição que aparece ao longo da vida. Altos níveis de glicose no sangue durante um longo período de tempo podem causar:

  • Cegueira
  • Doença do coração
  • Redução do fornecimento de sangue para os membros, levando a amputação
  • Danos nos nervos
  • Disfunção erétil
  • Acidente vascular cerebral

Embora não haja cura para o diabetes, a doença pode ser controlada por medicamentos e/ou insulina, e por meio de um estilo de vida mais saudável.

Não há uma única causa de diabetes tipo 2, mas alguns fatores podem colocar você em maior risco. Eles incluem:

  • Ter 40 anos de idade ou mais.
  • Estar com excesso de peso (especialmente com obesidade abdominal).
  • Ter um membro da família que tem diabetes.
  • Ter tido diabete gestacional ou ter dado à luz um bebê que pesava mais de 4 kg.
  • Ter pressão arterial e colesterol elevados ou outras gorduras no sangue.
  • Ser membro de um grupo étnico de alto risco.

Ultimamente, crianças e adolescentes são diagnosticados com diabetes tipo 2, uma doença que, geralmente, ocorre em adultos mais velhos. Pessoas de ascendência hispânica, asiática (do sul da Ásia) ou africanas também correm risco de desenvolver essa doença.

Pode-se prevenir o diabetes a partir do nascimento das crianças, que começa com a lactância materna, o que evita a alimentação artificial rica em açúcares desnecessários durante essa fase.

Para evitar a obesidade infantil, assim como o diabetes, é necessário que as crianças desfrutem de uma alimentação saudável, assim como de atividades físicas. Isso evita uma vida sedentária entregue há muito tempo diante da televisão, do computador ou dos videogames.

As crianças precisam de uma dieta rica em fibras e pobre em açúcar. O ideal seria diminuir a ingestão de açúcares de absorção rápida, como a versão refinada, moreno, cristal e de mel, e substituí-los por aqueles que já existem nas massas e nas frutas.

O diabetes pode causar, a longo prazo, se não for tratada devidamente, perda da visão, infarto, hipertensão, derrame, impotência sexual, doenças pulmonares e insuficiência renal.

Autor: Dr. José Luiz Setúbal
Fonte: Health Canada, Diabetes Brasil, Sociedade Brasileira de Diabetes, Portal da Saúde

Diabetes Tipo 2

Diretriz para controlar o diabetes tipo 2 em crianças
Ao longo das últimas três décadas, a prevalência na infância da obesidade tem aumentado dramaticamente no mundo todo, incluindo o Brasil. Com isso, as doenças associadas (comorbidades) trazem uma série de problemas de saúde, entre elas o diabetes tipo 2, que, antigamente, afligia principalmente os adultos. Para ajudar os pediatras americanos a cuidar dessa população, a Academia Americana de Pediatria emitiu um conjunto de diretrizes para fornecer recomendações baseadas em evidências sobre o gerenciamento de diabetes tipo 2 em crianças de 10-18 anos de idade. Essas diretrizes são as primeiras de seu tipo para essa faixa etária e foram escritas em colaboração com a Associação Americana de Diabetes, a Sociedade Americana de Endocrinologia Pediátrica, a Academia Americana de Médicos de Família e a Academia Americana de Nutrição e Dietética.

As diretrizes foram publicadas na edição de fevereiro de 2013 da revista Pediatrics, e as principais orientações são:

  1. As diretrizes recomendam começar o tratamento com insulina no momento do diagnóstico em todos os pacientes que estão em cetose ou cetoacidose diabética, marcadamente hiperglicêmico
  2. Ou quando a distinção entre diabetes tipo 1 e diabetes tipo 2 não é clara
  3. Em todos os outros casos, a metformina é recomendada como terapia de primeira linha, juntamente com um programa de modificação do estilo de vida, incluindo nutrição e atividade física
  4. As orientações incluem recomendações para controle glicêmico de pacientes pediátricos, a implementação de esquemas de insulina e dieta e prática de atividade física

Embora essas recomendações sejam das diversas Academias Americanas, acredito que sirvam de orientação para nós, aqui no Brasil. Se seu filho é obeso ou tem diabetes tipo 2, converse com seu pediatra.

Autor: Dr. José Luiz Setúbal
Fonte: Set of guidelines to provide evidence-based recommendations on managing type 2 diabetes in children ages 10 to 18, publicado na revista Pediatrics em fevereiro de 2013



Experiências de vida sobre Diabetes

Quer compartilhar suas experiências?

Envie sua mensagem abaixo:

Ao clicar em continuar você concorda com os termos de utilização.

Termos de Utilização

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Saepe molestias tempora repudiandae nam, sequi. Fugiat sunt quasi facilis, asperiores sint aliquam, dolor impedit ex distinctio praesentium minima, aut explicabo nesciunt. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio pariatur nam voluptatibus tenetur dolore. Similique commodi minima quaerat voluptatum molestias, dolorem, accusantium dicta hic delectus nihil, voluptas doloremque molestiae qui.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Saepe molestias tempora repudiandae nam, sequi. Fugiat sunt quasi facilis, asperiores sint aliquam, dolor impedit ex distinctio praesentium minima, aut explicabo nesciunt. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio pariatur nam voluptatibus tenetur dolore. Similique commodi minima quaerat voluptatum molestias, dolorem, accusantium dicta hic delectus nihil, voluptas doloremque molestiae qui.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Saepe molestias tempora repudiandae nam, sequi. Fugiat sunt quasi facilis, asperiores sint aliquam, dolor impedit ex distinctio praesentium minima, aut explicabo nesciunt. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio pariatur nam voluptatibus tenetur dolore. Similique commodi minima quaerat voluptatum molestias, dolorem, accusantium dicta hic delectus nihil, voluptas doloremque molestiae qui.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Saepe molestias tempora repudiandae nam, sequi. Fugiat sunt quasi facilis, asperiores sint aliquam, dolor impedit ex distinctio praesentium minima, aut explicabo nesciunt. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio pariatur nam voluptatibus tenetur dolore. Similique commodi minima quaerat voluptatum molestias, dolorem, accusantium dicta hic delectus nihil, voluptas doloremque molestiae qui.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Saepe molestias tempora repudiandae nam, sequi. Fugiat sunt quasi facilis, asperiores sint aliquam, dolor impedit ex distinctio praesentium minima, aut explicabo nesciunt. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio pariatur nam voluptatibus tenetur dolore. Similique commodi minima quaerat voluptatum molestias, dolorem, accusantium dicta hic delectus nihil, voluptas doloremque molestiae qui.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Saepe molestias tempora repudiandae nam, sequi. Fugiat sunt quasi facilis, asperiores sint aliquam, dolor impedit ex distinctio praesentium minima, aut explicabo nesciunt. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio pariatur nam voluptatibus tenetur dolore. Similique commodi minima quaerat voluptatum molestias, dolorem, accusantium dicta hic delectus nihil, voluptas doloremque molestiae qui.