Xixi na cama - Molhando a cama



A Enurese noturna ou o famoso “Xixi na cama” é uma das chateações mais comuns da infância e acaba perturbando toda a família.

As crianças costumam controlar os esfíncteres ao redor dos 2 anos, mas algumas crianças o farão mais tarde, e se considera normal que até os 4 anos a criança tenha alguma perda urinária quando dorme.

A enurese noturna é muito mais comum nos meninos e acontece mais em algumas famílias, sua causa geralmente se dá por uma bexiga menor ou por uma demora maior na maturação dos músculos dos esfíncteres da bexiga, mais raramente pode estar associado à causas emocionais.

O importante para os pais é saber que isto se resolve com o tempo e na maioria das vezes sem nenhum tipo de intervenção. As estatísticas nos mostram que há uma diminuição de casos de 15% ao ano após os cinco anos de idade.

As condutas mais comuns e são as terapias motivacionais onde se oferece um prêmio por um intervalo de dias sem molhar a cama. Para funcionar, as regras devem ser bem estabelecidas antes de se iniciar o processo.

As terapias medicamentosas devem ser dadas pelo pediatra após a avaliação e discussão com os pais das necessidades. O uso de alarmes não é comum entre no Brasil, mas muito usado e com sucesso nos EUA.

O importante é a família ter consciência que a criança não faz isto porque quer, mas por um problema, e deve-se evitar punir, ficar bravo, pois isto só irá prejudicar ainda mais o sentimento de culpa e piorar a auto-estima da criança. Seja paciente e tente compreender seu filho e explicar para os familiares, todos agindo em conjunto obterão um melhor resultado.

Em caso de dúvida converse com seu pediatra.

Autor: Dr. José Luiz Setúbal
Fonte: Up to date




Veja mais textos e informações úteis em nosso Blog sobre a saúde infantil - http://saudeinfantil.blog.br/

TOPO DA PÁGINA