Endoscopia

O que é

Endoscopia digestiva alta ou esofagogastroduodenoscopia refere-se ao exame do esôfago, estômago e duodeno, com auxílio de um aparelho denominado endoscópio. É realizado por um médico, junto a um anestesiologista. Serve para detectar alterações como sinais inflamatórios, úlceras, deformidades, tumores, corpos estranhos, entre outros. Permite coleta de material líquido e biópsias, além de remover corpos estranhos e tratar estreitamentos.

 

O exame é realizado sob anestesia geral, isto é, sem que o paciente perceba. A introdução do aparelho faz-se através da cavidade oral, percorrendo o trajeto do alimento. Dura em média todo o processo de 30 a 60 minutos. Após o exame é comum sensação de incômodo nasal e na garganta, por vezes cólicas e náuseas. A alta ocorre após um período de recuperação, que pode variar entre duas e seis horas, se não houver intercorrências.

São necessários exames de endoscopia anteriores, correlacionados (pH-metria, manometria, cintilografia, radiológicos contrastados e outros) e de sangue recentes. Jejum de acordo com orientação da anestesia.